Quantos prótons e nêutrons tem um íon de certo elemento químico de número de massa 85 e 36 elétrons?

Quantos prótons e nêutrons tem um íon de certo elemento químico de número de massa 85 e 36 elétrons?

Para responder a essa pergunta, é necessário entender a estrutura dos átomos e íons. Os átomos são compostos por prótons, nêutrons e elétrons. Os prótons têm carga positiva, os elétrons têm carga negativa e os nêutrons são neutros. A soma do número de prótons e nêutrons em um átomo é chamada de número de massa.

No caso do íon em questão, sabemos que ele possui 36 elétrons. Isso significa que o número de prótons também é 36, já que os átomos são eletricamente neutros. O número de massa é dado como 85, o que significa que a soma de prótons e nêutrons é igual a 85.

Se quiser continuar a ler este post sobre "Quantos prótons e nêutrons tem um íon de certo elemento químico de número de massa 85 e 36 elétrons?" clique no botão "Mostrar tudo" e poderá ler o resto do conteúdo gratuitamente. ebstomasborba.pt é um site especializado em Tecnologia, Notícias, Jogos e muitos tópicos que lhe podem interessar. Se quiser ler mais informações semelhantes a Quantos prótons e nêutrons tem um íon de certo elemento químico de número de massa 85 e 36 elétrons?, sinta-se à vontade para continuar a navegar na web e subscrever as notificações do Blog e não perca as últimas notícias.

Seguir leyendo


Portanto, podemos concluir que o íon em questão possui 36 prótons e 49 nêutrons.

Qual é o número atômico desse íon, onde certo elemento químico de número de massa 85 apresenta 36 elétrons e carga +1?

O número atômico de um elemento químico é determinado pelo número de prótons em seu núcleo. No caso do íon mencionado na pergunta, sabemos que o elemento possui número de massa 85 e apresenta 36 elétrons. Como o número de elétrons é igual ao número de prótons em um átomo neutro, podemos concluir que o número atômico desse íon é 36.

É importante ressaltar que a carga do íon (+1) indica a perda de um elétron pelo átomo neutro. Portanto, o íon possui um elétron a menos em relação ao átomo original.

Como posso saber o número de elétrons em um íon?

Como posso saber o número de elétrons em um íon?

Para determinar o número de elétrons em um íon, é necessário considerar a carga do íon e o número atômico do elemento. A carga do íon é indicada pelo número de elétrons a mais ou a menos em relação ao átomo neutro. Se o íon possui uma carga positiva, significa que perdeu elétrons, enquanto uma carga negativa indica que ganhou elétrons.

Para encontrar o número de elétrons, basta adicionar a carga ao número atômico. Por exemplo, se tivermos o íon N 3-, sabemos que a carga é -3. O número atômico do nitrogênio é 7, portanto, o íon N 3- possui 10 elétrons. Isso ocorre porque o átomo neutro de nitrogênio possui 7 elétrons, mas o íon ganhou 3 elétrons extras.

É importante lembrar que o número de elétrons em um íon pode variar dependendo da carga e do elemento em questão. É necessário consultar a tabela periódica e conhecer as características específicas de cada elemento para determinar o número de elétrons em um íon com precisão.

Qual elemento químico possui 83 prótons, 83 elétrons e 126 nêutrons?

Qual elemento químico possui 83 prótons, 83 elétrons e 126 nêutrons?

O elemento químico com 83 prótons, 83 elétrons e 126 nêutrons é o mercúrio (Hg). O número atômico de um elemento é determinado pelo número de prótons em seu núcleo, então, no caso do mercúrio, o número atômico é 83. Já o número de massa é a soma do número de prótons e nêutrons, então o número de massa do mercúrio é 209 (83 prótons + 126 nêutrons). O mercúrio é um metal pesado que é líquido à temperatura ambiente e é conhecido por sua toxicidade. Ele é usado em vários processos industriais, bem como em instrumentos científicos e dispositivos eletrônicos.

Como se calcula o número de elétrons?

Como se calcula o número de elétrons?

O número de elétrons de um átomo pode ser calculado considerando o número atômico do elemento. O número atômico é igual ao número de prótons e ao número de elétrons presentes no núcleo do átomo. Por exemplo, o átomo de ferro possui um número atômico de 26, o que significa que ele tem 26 prótons e, consequentemente, também 26 elétrons.

No entanto, vale ressaltar que nem sempre o número de elétrons é igual ao número de prótons. Isso ocorre em átomos que não estão em seu estado fundamental, ou seja, quando estão ionizados ou em um estado excitado. Quando um átomo perde ou ganha elétrons, ele se torna um íon. Por exemplo, se um átomo de ferro perde dois elétrons, ele se torna um íon Fe2+ e passa a ter 24 elétrons.

Portanto, o número de elétrons de um átomo pode variar dependendo das condições em que ele se encontra. É importante considerar o número atômico como uma referência inicial para determinar o número de elétrons, mas também levar em conta possíveis alterações causadas por processos como ionização ou excitação.

Qual é a massa atômica de um átomo que possui 8 prótons e 8 nêutrons?

A massa atômica de um átomo é determinada pela soma dos prótons e nêutrons presentes em seu núcleo. No caso deste átomo que possui 8 prótons e 8 nêutrons, sua massa atômica (A) é igual a 16 unidades de massa atômica (u). Isso significa que o número de nêutrons é igual à diferença entre a massa atômica e o número de prótons, ou seja, 16 – 8 = 8 nêutrons.

Os prótons e nêutrons são partículas subatômicas encontradas no núcleo do átomo. Os prótons possuem carga elétrica positiva, enquanto os nêutrons não possuem carga elétrica. A massa atômica de um átomo é importante para determinar suas propriedades físicas e químicas, pois está relacionada ao seu tamanho e à sua estabilidade. Portanto, conhecer a massa atômica de um átomo é fundamental para entender seu comportamento em reações químicas e em diferentes condições de temperatura e pressão.